Dicas

Como evitar que o bolo fique solado? Confira 6 dicas

janeiro 16, 2019
Tempo de leitura 5

Você tem uma confeitaria e, além disso, ama fazer bolo para você e sua família? Se sua resposta foi sim, então certamente já viu o seguinte filme: na foto do livro de receitas, o bolo é lindo e chamativo, no entanto, essa não é a realidade quando ele sai do seu forno. Às vezes ele não cresce, em outras ele fica solado. 

Antes de achar que os livros não passam de uma enganação, veja se você não está cometendo erros simples, como abrir o forno antes do tempo mínimo para ver se ele está pronto.

E se você quer dar adeus ao bolo solado, continue lendo este post. Aqui, nós explicamos os principais erros que costumam acontecer na hora de preparar a sua receita e trazemos dicas para a massa ficar maravilhosa — não só visualmente. Pegue o papel, caneta e mão na massa!

Quais os principais erros que podem deixar o bolo solado?

Existem diversos motivos que podem influenciar negativamente para o sucesso do seu bolo, impedindo as pessoas de saborearem um doce molhado e fofo! Entre as causas mais comuns está a temperatura do forno e até mesmo algum ingrediente que pode ter sido colocado em muita ou pouca quantidade.

Se seu bolo ficou com pouco volume, por exemplo, é possível que você tenha colocado muito líquido na mistura ou utilizado pouca porção de farinha. Além do pouco volume, às vezes a massa pode ficar dura — ninguém merece bolo com aspecto de pedra, não é? Isso pode acontecer quando você coloca muita farinha ou pouco açúcar.

Para que esses erros não aconteçam mais, confira as dicas que listamos a seguir para uma sobremesa maravilhosa. Com ela, certamente a sua receita de bolo dará certa!

Quais as dicas para evitar que isso aconteça?

1. Respeite o pré-aquecimento do forno

Respeitar o pré-aquecimento do forno é essencial. Por isso, essa é a nossa primeira dica. Todo forno tem sua característica particular de aquecimento, com temperaturas que podem variar. Infelizmente, nem todo confeiteiro parece conhecer seu equipamento corretamente.

Por esse motivo, o pré-aquecimento garante que o calor tome conta da estrutura do forno de maneira linear assim que o bolo é colocado dentro do ambiente. Calcule um tempo mínimo de 20 minutos de aquecimento antes de colocar o bolo para assar. 

2. Use ingredientes em temperatura ambiente

Leite, ovos, água, margarina e quaisquer outros ingredientes que serão usados na receita devem ser separados com antecedência. Os ovos, por exemplo, ficam com mais volume quando batidos em temperatura ambiente. 

Por isso, retire os componentes da geladeira alguns minutos antes de preparar o bolo. E lembre-se: quanto mais gelados estiverem, mais resistência eles oferecem na hora da mistura. Além disso, se você demorar mais tempo para bater a massa, mais dura ela fica Portanto, nada de pegar os ingredientes na hora de fazer a receita, tá bom?

3. Unte a forma

Algumas pessoas acreditam que essa etapa não é importante, no entanto, a recomendação é justamente ao contrário: jamais esqueça de untar a forma

Esse procedimento é indispensável porque facilita na hora de desenformar o seu bolo. Usar farinhas ao untar evita que a sua massa agarre no fundo da forma, prejudicando todo o seu trabalho. Portanto, já sabe, para facilitar a sua vida, unte o recipiente, sempre lembrando de retirar o excesso de farinha.

4. Peneire os ingredientes secos antes

Essa é uma dica essencial para não fazer um bolo solado, mas muitos acabam ignorando esse passo por o acharem desnecessário.

Porém, ingredientes como cacau em pó, farinha de trigo, açúcar de confeiteiro e até mesmo o achocolatado, são elementos que absorvem umidade e criam pequenas bolotas. Em vista disso, peneirá-los ajuda a retirar todas as impurezas, além de ficar mais fácil para conseguir uma mistura homogênea. 

5. Evite excesso do fermento ou bicarbonato de sódio

O milagre para o bolo crescer é o fermento. Por isso, adicionar mais um pouquinho dele fará com que a massa fique fofinha, certo? Errado! O excesso de fermento cria muito ar dentro do bolo, fazendo com que sua sobremesa imploda. Assim, para que você não exagere, acrescente o ingrediente à massa delicadamente com o auxílio de uma colher.

Um outro fator que deve ser lembrado é que fermento e bicarbonato não são a mesma coisa, portanto, não substitua um pelo outro. Apesar de ambos ajudarem no crescimento do bolo, o bicarbonato é usado quando há aeração dos ovos na massa, e também nos bolos de chocolate para acentuar a cor, deixando-o mais escuro.

6. Controle a ansiedade 

Sabemos que o cheirinho do bolo mexe com o olfato e faz com que a vontade de abrir o forno aumente. Porém, esse é um grande erro, pois o ar gelado entra assim que a tampa do forno é aberta. Quando isso ocorre, o bolo abaixa e não cresce como deveria. Portanto, controle a sua ansiedade, visto que é muito difícil que o bolo fique pronto em menos de 25 ou 30 minutos. 

Depois desse tempo, chegou a hora de verificar se a massa está assada. A técnica de utilizar um palito é o jeito mais conhecido de descobrir o ponto, mas você sabia que isso pode prejudicar o andamento da receita? Especialmente se ainda faltar tempo para o fim do assamento, pois você tira todo o ar da massa e corre o risco dele ficar denso. 

Por esse motivo, experimente descobrir se o bolo está assado usando o indicador e dando uma leve apertadinha na superfície: se a massa voltar, já pode retirar do forno. Mas se ela afundar e ficar, ainda é necessário deixá-la por mais um tempinho. Antes de desenformar o bolo, no entanto, espere mais 20 minutos para que a massa esfrie.

Seguindo essas dicas você certamente conseguirá agradar sua clientela, além de poder saborear uma bonita e deliciosa sobremesa com a família. Aproveite também para experimentar novas receitas e diga adeus ao bolo solado!

Se você gostou deste conteúdo e quer ficar por dentro do mundo dos confeiteiros, então nos siga em nossas redes sociais. Estamos no FacebookInstagram e Youtube

 

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe uma resposta

Scroll Up
%d blogueiros gostam disto: