Empreendedorismo

Aprenda como fazer biscoitos natalinos e lucrar mais no final de ano

fevereiro 6, 2020

Se você assiste a filmes com temas de Natal, certamente já viu os biscoitos natalinos serem oferecidos e apreciados por personagens de todas as idades. Essas delícias festivas são muito tradicionais em vários locais do mundo e, felizmente, também têm se tornado tendências na confeitaria brasileira.

Portanto, trata-se de uma boa ideia para diversificar a sua produção no final de ano com um produto muito gostoso e ainda não muito encontrado por aqui. Com a aparência impecável e uma embalagem à altura, os biscoitos natalinos também são uma excelente oportunidade para presentear, tendo em vista que costumam agradar a todos os paladares, são bonitos e têm um preço acessível.

Então, se você já trabalha no ramo, está em busca de uma renda extra ou apenas quer agradar os amigos e familiares, precisa conhecer essa delícia — e nós contamos tudo sobre o assunto agora mesmo. Confira!

A origem da tradição dos biscoitos natalinos

Uma das belas histórias sobre a origem dos biscoitos diz respeito à cultura norte-americana: na época de 30, as famílias se reuniam para fazer e assar os biscoitos amanteigados. A diversão já começavam nesse processo de preparação, mas ficava ainda melhor: as crianças, antes de dormir, colocavam os biscoitos e um copo de leite ao lado da árvore de Natal, para agradar e agradecer ao Papai Noel, quando ele chegasse com os presentes.

A tradição tem se espalhado pelo mundo como um gesto de gratidão e gentileza, e popularizando os biscoitos cada vez mais. Quem nunca viu, por exemplo, o famoso biscoito em forma de “pessoa”, que, inclusive, é personagem de um famoso filme infantil, o Sherek? A imagem, inclusive, vai além da cozinha e estampa almofadas, roupas e muito mais. Um encanto!

A forma de fazer

Você pode estar pensando que, com tanta tradição e beleza, os biscoitos podem ser trabalhosos ou não terem um custo-benefício interessante, não é mesmo? Pois pode ficar tranquilo, pois, na verdade, trata-se de biscoitos amanteigados bastante simples, fáceis de fazer, quem demandam um valor baixo de investimento e que podem garantir até 40% de lucro.

Veja só uma das receitas possíveis:

Ingredientes para a massa

  • 445g de farinha de trigo
  • 200g de manteiga sem sal
  • 140g de açúcar refinado
  • 1 ovo
  • 1 colher de chá de essência de baunilha (ou outro sabor de sua preferência).

Modo de preparo dos biscoitos

  • na batedeira, bata a manteiga juntamente ao açúcar, até a mistura ficar incorporada. A seguir, misture o ovo e o extrato de baunilha e misture bem;
  • vá adicionando a farinha aos poucos, até encorporar;
  • quando estiver pronta, embrulhe a massa em filme plástico e deixe na geladeira por 30 minutos;
  • abra bem a massa entre duas folhas de papel-manteiga ou plástico;
  • leve esse massa bem aberta para o freezer, a fim de deixá-la bem firme antes de cortar os biscoitos. É preciso que ela esteja gelada, para que os biscoitos não percam o formato;
  • corte os biscoitos na forma desejada;
  • para não desperdiçar a massa, junte as sobras e repita o processo;
  • forre a forma com papel manteiga ou silicone e coloque os biscoitos lado a lado;
  • pré-aqueça o forno a 180° C;
  • leve-os ao forno por 8 a 12 minutos, até que fiquem ligeiramente dourados nas bordas;
  • deixe-os esfriarem por 1 minuto na própria assadeira e, após, leve-os para uma grade de esfriar biscoito;
  • decore depois que estiverem frios.

Essa receita rende, em média, 800g de massa e os biscoitos têm validade de 15 dias.

Modo de preparo do glacê para decorar

  • na batedeira, coloque o glacê real em pó e vá adicionando água nas proporções indicadas;
  • bata em velocidade baixa, apenas para misturar os ingredientes;
  • em seguida, altere para a velocidade máxima;
  • bata entre 10 e 12 minutos;
  • use a raquete, a fim de não encorporar ar;
  • essa mistura estará em ponto firme, pronta para decorar as bordas dos biscoitos e para trabalhos com os bicos;
  • se você pretende tingir o glacê, opte pelo corante em gel, e faça o tingimento antes de acertar o ponto. Isso porque o ponto, geralmente, se perde ao adicionar o corante.

Um quilo de glacê em pós rende 8 xícaras de chá de produto. A mistura tem validade de 7 dias em temperatura ambiente.

Os equipamentos que você vai precisar

Uma lista básica de utensílios para a produção dos biscoitos natalinos inclui:

As dicas para uma decoração encantadora

Como você pôde ver, os biscoitos natalinos são um produto bastante simples, mas que se diferenciam pela tradição e pelo visual encantador. Portanto, todo capricho é pouco na hora de decorá-los.

O primeiro passo para garantir a aparência natalina está na hora de definir os formatos: o “homenzinho” é um clássico, mas os ícones tradicionais dessa época do ano também são sucesso garantido e encantadores, como árvores de Natal, sinos, botas, estrelas etc.

As cores também fazem a diferença: aposte nos clássicos tons natalinos, como verde, branco e vermelho.

A importância da embalagem

Por fim, a embalagem dará o toque final aos biscoitos! Além disso, vale a pena considerar que os amanteigados são produtos frágeis e podem se quebrar com facilidade — e ninguém quer comprar ou receber biscoitos em farelos, não é mesmo?

Portanto, se você optar por saquinhos, busque aqueles com grossos e tenha muito cuidado em todas as etapas da conservação e do transporte. Saquinhos de tecido e caixinhas com tampas transparentes também têm um bom custo, e podem agregar bastante valor ao seu produto final.

Para fechar, escolha lindas fitas de cetim, juta ou outro material que combine com o restante da sua embalagem.

Os biscoitos natalinos são uma dessas tendências na confeitaria que vem para ficar, e você pode ganhar muitos pontos pela originalidade e inovação ao apostar neles ainda esse ano. Não perca essa grande oportunidade!

Quer garantir matérias-primas de qualidade, utensílios e embalagens diferenciados para as suas produções? Entre em contato com a equipe do Chef Center agora mesmo!

You Might Also Like

No Comments

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: