Empreendedorismo

Comportamento do consumidor em padarias: como lidar com as mudanças?

maio 28, 2020
comportamento do consumidor em padarias

Com a presença cada vez mais constante da tecnologia em nosso dia a dia, nada tem mudado tanto como o comportamento dos indivíduos. Existem novas formas de se comunicar, de se informar e até de fazer compras. Tudo está mais fácil, as opções são inúmeras e os clientes têm o poder na palma da mão, literalmente.

Nessa nova realidade, o comportamento do consumidor em padarias também está diferente. E, nesse cenário, as transformações vão além da tecnologia: as pessoas estão cada vez mais exigentes, atentas à sua saúde, o que inclui as mudanças de seus hábitos alimentares, e buscam nesses lugares uma experiência que vai além do “entrar, comprar e sair”.

Quer saber mais sobre essas mudanças e como adaptar o seu negócio a essas novas demandas? Basta continuar com a leitura!

Fique de olho no comportamento do seu cliente

Certamente, existem alterações de comportamento que são mais generalistas, ou seja, estão acontecendo com grande parte da população — brasileira e mundial.

Cada vez mais conectadas, as pessoas têm muitas informações ao alcance, e isso influencia diretamente na forma como elas se comportam em uma padaria: os aplicativos de dietas, por exemplo, ajudam a acompanhar o que deve ser comido e em qual quantidade, indicando os ingredientes mais saudáveis, enquanto que os aplicativos de alimentação concorrem diretamente com a venda nos espaços físicos, oferecendo comodidade e facilidade para quem não pode ir até o estabelecimento.

As redes sociais também têm cumprido um papel importante nesse cenário, atuando como propagadoras das mensagens da empresa, divulgando produtos e serviços, e agindo como um canal direto de comunicação.

Entre tantas novidades, é fundamental perceber o que o seu cliente está buscando — não apenas no que se refere ao espaço físico da sua padaria, mas também ao seu comportamento virtual. Ele quer comprar alimentos por meio dos apps e receber em casa? Ele interage com as suas redes sociais? Ele busca por determinados ingredientes e evita outros? Foque nesses fatores!

Acompanhe as tendências

Apesar de cada pessoa ter um comportamento diferente, algumas atitudes têm sido observadas em grandes grupos da sociedade. Além da alimentação saudável, os clientes estão buscando formas mais práticas de consumir, já que eles também não dispõem de muito tempo.

Oferecer refeições no brunch, almoço e no jantar são boas opções para atender ao público, que precisa se alimentar com qualidade, mas não tem tempo, dinheiro ou interesse de frequentar restaurantes.

Lanches práticos, saudáveis e prontos para consumo, seguindo o conceito de Grab & Go, também podem ser oferecidos sem grandes complicações.

Adote a sustentabilidade

Outro comportamento bastante observado na sociedade atual é a preocupação com o meio ambiente, mudando os seus hábitos para um consumo mais consciente e a preservação dos recursos.

Dentro da sua padaria, é possível acompanhar essas atitudes transformando a relação do negócio com os alimentos. Evitar o desperdício tanto no processo de fabricação quanto no tamanho das porções vai ajudar a criar uma imagem mais positiva da sua empresa.

Veja boas formas de fazer isso:

  • utilize nas receitas de bolos as frutas da estação, mais baratas, saborosas e com menos agrotóxicos;
  • aproveite as cascas dessas frutas para fazer sucos e vitaminas supernutritivas;
  • ofereça porções menores de todos os seus itens, como bolos, tortas, sobremesas e lanches, pois existem muitas pessoas que têm famílias pequenas ou moram sozinhas e não querem jogar comida fora;
  • tenha cuidado também com as embalagens, evitando materiais plásticos nas sacolas e os já tão mal vistos canudinhos.

Ofereça produtos diferenciados

Se você já está de olho nos hábitos alimentares das pessoas nos últimos tempos, já percebeu que muitas delas têm preferido alimentos integrais, sem lactose e sem glúten.

Um verdadeiro pesadelo para as padarias? Apenas para aquelas que não querem se reinventar. Para começar a produzir esse tipo de alimento, a sua estrutura não precisa mudar — apenas os ingredientes.

Busque outras opções para a farinha de trigo branca, invista na produção de pães franceses integrais, acrescente sementes do bem às suas receitas, aposte em sucos, vitaminas e saladas, ofereça sanduíches saudáveis e wraps etc. As alternativas são muitas, e o número de clientes atraídos por esses produtos diferenciados, também.

Aumente a qualidade

Como dissemos no início deste texto, as pessoas estão muito bem informadas hoje em dia, e, consequentemente, exigentes. Elas sabem que a farinha e trigo branca não é a melhor opção para a saúde, por exemplo, e quer alimentos produzidos a partir de farinhas de amêndoas, aveia ou arroz.

A boa notícia é que elas também têm a consciência de que esses ingredientes têm um custo mais elevado, e estão dispostas a pagar por eles. Portanto, se esse é o perfil do seu público, vale a pena conhecer mais sobre os produtos artesanais que podem ser oferecidos na sua padaria, além de aplicar o conceito de comfort food em seu negócio.

Atenda de forma diferenciada

Por fim, mas não menos importante (de forma alguma!), está o atendimento ao seu cliente. Mais do que ser atendido cordialmente, ele quer ter as suas dúvidas sanadas e encontrar um ambiente perfeito para consumir, transformando a sua experiência dentro do estabelecimento em algo positivamente inesquecível.

Certifique-se de treinar a sua equipe, a fim de que ela saiba responder a todos os questionamentos do consumidor, desde os ingredientes que contém em cada produto como o horário da próxima fornada. Também registre as possíveis solicitações de produtos ou serviços, e atenda-as na medida do possível.

Por fim, ofereça um espaço físico organizado, acolhedor, com iluminação e climatização adequados, para que o seu cliente se sinta confortável para fazer as compras, fazer uma refeição completa ou tomar um café — sozinho ou acompanhado.

Acompanhar o comportamento do consumidor em padarias (e atender às suas demandas) não é tão difícil quanto parece! Para começar, você pode ouvir sugestões de atendimento e de produtos a partir de uma pesquisa realizada com os próprios clientes. Testes de aceitação também são válidos, assim como uma maior interação nas redes sociais. Se possível, faça parte dos apps de entrega de alimentos, aumentando o seu poder de alcance e foque, diariamente, em oferecer a qualidade e a excelência aos consumidores. Gratos, eles vão retribuir!

Este conteúdo ajudou você a entender os novos comportamentos da sociedade? Compartilhe-o em suas redes sociais, para ajudar outros empresários também!

You Might Also Like

No Comments

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: